Posts

Por Que Aprender Inglês Na XOK English Com Voxy?

A XOK Engish criou uma parceria forte com a Voxy para trazer mais de 15.000 hora de conteúdo em inglês para nossos alunos.

Estude na XOK English…e você terá acesso a tudo isso e muito mais:

  • Até 12 aulas de conversação por dia com professores nativos para praticar o que está aprendendo e melhorar a sua pronúncia
  • 15.000 horas de conteúdo com atividades para melhorar o seu inglês…com mais sendo adicionado todo dia
  • 4 Avaliações Padronizadas por ano para medir seu progresso e saber exatamente em que nível está

Veja mais nesse vídeo

Estude Menos, Aprenda Mais

A Voxy é uma nova maneira de aprender inglês. Compreendemos que você tem necessidades de aprendizado exclusivas e sabemos o quanto sua vida pode estar atribulada! Por isso, tudo o que fazemos é direcionado para te ajudar a aprender de forma mais inteligente:

Personalizado. Seu curso é personalizado aos seus objetivos e interesses, assim você não perde tempo com coisas que não são importantes para você.

Entretenimento. Suas lições são elaboradas com um conteúdo interessante que você adora, dessa forma, você presta atenção naturalmente e aprende mais rápido.

Flexível. Sua prática é totalmente flexível, com acesso 24 horas por dia, 7 dias por semana de um computador, smartphone ou tablet.

Depoimentos de Alunos como Você

“A maioria dos cursos disponíveis no mercado tem um único conjunto de conteúdo, que é inalterável e se destina a todos os alunos, eles seguem um roteiro preestabelecido… é por isso que o curso da Voxy é diferente. Porque, a cada etapa, o sistema se ajusta às necessidades e dificuldades apresentadas pelo aluno”

Rogério A., Despachante Aduaneiro, São Caetano – São Paulo

“Estou apaixonada pela metodologia do curso da Voxy! Graças à parceria da Voxy com a minha universidade, encontrei uma alternativa para desenvolver meu inglês. Eu comecei dedicando apenas alguns minutos do meu tempo livre e pude comprovar realmente os resultados!”

Jéssica H., Universitária, São Paulo

“Comecei fazendo aulas com tutores da Voxy para melhorar meu inglês e evitar problemas durante viagens a outros países e percebi que estou muito mais confiante com meu inglês. Estou começando a planejar uma viagem para os EUA no ano que vem… :)”

Daniel B., Desenvolvedor Web, São Paulo

Porque VOCÊ Não Está Aprendendo Inglês Com Músicas

Muita gente se queixa, “Ah, eu estou escutando muita música como o meu professor me disse pra fazer. Mas eu não vejo nada mudar no meu ‘speaking’ (fala). Escuto e entendo tudo o que me falam, mas na hora de falar – não sai nada do que eu aprendi”.

Calma! Eu posso explicar o que provavelmente possa estar acontecendo. Todos amam música, o ser humano está tão ligado à musica o tempo todo. Somos seres musicais. E isso independente de termos qualquer habilidade extraordinária para tal.

Escutar Músicas Em Inglês X Estudar Inglês Com Músicas

Comecemos por estabelecer a diferença: ESCUTAR MÚSICAS EM INGLÊS X ESTUDAR INGLÊS COM MÚSICAS. Escutar músicas em inglês é muito normal. Você entra no seu carro, liga seu rádio, mp3 player,etc. e lá está em todo lugar a música internacional. E, se você é um aluno intermediário ou avançado você até que consegue captar frases inteiras e a partir daí até aprender, quem sabe, uma expressão nova, um vocabulário novo, enfim.

Agora, se você é um aluno básico, provavelmente você fará o que eu gosto de chamar de ‘pick-up listening’, uma palavra aqui, outra ali, é o que você provavelmente vai entender. Em ambos os casos você está praticando tão somente o seu ‘listening’. Em contrapartida, aprender inglês com músicas é outra coisa bem diferente.

Eu escolho uma música e, com ela eu vou aprofundar meus conhecimentos na língua inglesa. Poderia listar uma série de formas de como fazer isso, como no Musical English Magic, mas aí depende mais de você. Se você vai pegar a tradução e estudar o significado, ou traduzir você mesmo a partir do que já sabe, se vai pedir pro seu professor fazer um exercício escrito pra você praticar e tal.

Qual A Chave Para Estudar Inglês Com Músicas?

O que se observa em ambas as abordagens, é que em nenhuma delas existe um esforço em fazer o que pra mim é o mais importante na hora que se está aprendendo inglês com músicas: cantar a música. Parece óbvio? É obvio! Mas, pense bem.

Uma Visão Pessoal – Como Eu Aprendi Inglês Com Músicas

Quando eu comecei a aprender inglês, era criança, então não me lembro de muita coisa de sobre como eu fui aprendendo. Conhecia alguns americanos a partir da base de missões da ‘Teen Missions Intl’, e meu pai me levava lá onde ouvia-os cantando, pregando, com a tradução simultânea ocorrendo. Isso com muita frequência, tanto na igreja quanto na base missionária.

Isso pode ter influenciado bastante no meu aprendizado. Mas o que eu me lembro muito bem, foi que por volta dos meus 15 anos eu emprestei uns DVD’s do meu pastor, de músicas do Hillsong. Eram os DVD ‘Blessed’ e o ‘For All You’ve Done’. E, meu amigo leitor, eu simplesmente devorei aqueles DVD’s.

Eu aprendi todas as músicas em mais ou menos duas semanas. De fato que, depois daquelas semanas eu cheguei na casa do pastor e já falei em inglês com ele. Me lembrava disso esses dias. Claro que não falava como falo hoje, mas já foi o início de tudo. Eu já entendia muita coisa em inglês então, e falava um pouco, mas, nada se comparava com como me senti depois daquelas semanas.

Sentia-me mais confiante e determinado a falar inglês. Esses dias pensava sobre o porquê que muitas vezes quando faço atividade de música em sala de aula o resultado é positivo, e outras vezes não. E fui analisando as situações que eram favoráveis para que o sucesso em cada aula ocorresse.

Sabe o que eu descobri? Que nas turmas em que havia uma animação, uma pré-disposição a aprender a CANTAR a música, mas é cantar mesmo, todo desafinado, sem muita preocupação com julgamentos, o resultado era incrivelmente melhor.

Eu podia ver os alunos utilizando versos da música em sala de aula nas falas deles durante as nossas conversar. E sempre que alguém usava uma palavra, um trecho da música na sua fala normal, todos lembravam e começavam a cantar aquele trecho da música, o que deixava o ambiente super descontraído.

Ainda sobre meu aprendizado com os DVD dos Hillsong, ligando a essa observação, entendi que, por exemplo, aprendi todos as músicas dos DVD muito rápido, porque havia principalmente um PROPÓSITO pelo qual eu estava aprendendo aquelas músicas.

Havia MOTIVAÇÃO, que era aprender a língua/melhorar meu inglês, mas também havia um PROPÓSITO, que era de cantar aquelas músicas para Deus e até mesmo usar o vocabulário que eu aprendia para orar em inglês. E olha que interessante essa parte.

Eu aprendia por exemplo: “For you lived and you died and you rose again on high And you opened the way for the world to live again Hallelujah, for all you’ve done.”

E o que eu fazia com isso era juntar outras coisas que sabia e na hora de orar eu falava com Deus usando linhas da música. Usando verbos que eram novos para mim como ‘rose again’, eu nem sabia que rose era o passado de ‘rise’, nem nada disso, pouco estava me importando.

Quando se aprende com música, você não deve ficar prestando atenção pra gramática de jeito nenhum. Até porque você já deve estar cansado de ver músicas cheias de erros gramaticais gritantes, mas que são poeticamente lindos e até mesmo usados em uma fala informal.

Eu entendia ‘again’ e como não tinha nem internet, o que fazia era só trocar a legenda para o português e ver o que aquilo significava. E aquele significado ficava na minha cabeça e era com aquilo que eu ficava. E quanto a pronúncia, era inevitável não aprender.

Até hoje David brinca comigo dizendo que pronuncio algumas palavras com sotaque australiano/britânico, mas é porque aprendi desde então com Hillsong que é uma banda australiana. Então orava mais ou menos assim:

“Lord you are beautiful. You have the power for you lived and you died but you rose again and that’s why I love you. Because you fought for me, came to give your life and now you opened the way for me to live. Thank you for all you’ve done.”

Conclusão

Então, MOTIVAÇÃO + PROPÓSITO são a combinação perfeita para que você possa aprender a falar inglês. Por isso que quem é cantor e canta em inglês com frequência tem muito mais tendência a aprender mais rápido. Porque eles têm que aprender a música para apresentar para alguém.

Agora se você não é cantor, nem é cristão, ou não segue nenhuma religião, não acredita em nada. Então canta só por cantar gente. Faz bem demais. E se quiser mais dicas, dê uma olhada no material que desenvolvemos sobre o Musical English Magic.

Junte a roda de amigos e começa a cantar, desafinado mesmo sem medo de ser feliz. E o mais importante. Use o que você está aprendendo na música para melhorar sua expressividade na língua inglesa.

Mais Recursos de Inglês

Dicionário Xokmax – Aprenda as 1000 palavras mais comuns em inglês com áudio para aperfeiçoar a sua pronúncia.

Ingês Básico Para Alunos Iniciantes – Aprenda primeiro as palavras mais comuns em inglês. Assim você entenderá melhor o que leia e ouve no dia a dia.

Expressões Xokmax – Mais de 409 frases e expressões para falar melhor e se expressar com mais fluência em inglês.

Como Melhorar A Sua Pronúncia Com Musicas Em Inglês – Descubra como melhorar o seu inglês com três passos simples utilizando músicas divertidas. Incluí exercícios e dicas para facilitar o seu aprendizado.

Quais Os Blogs de Inglês Que Você Lê? Indique E Vote

Estou criando uma lista de 10 blogs de inglês que alunos deveriam ler. E eu queria ter as suas indicações e feedback sobre quais blogs deveríamos incluir nesta lista.

Você pode ver quantos votos cada blog recebe pelo numero do lado esquerdo. Para lançar o seu voto nos blogs que acha melhor, basta clicar na setinha acima do numero de votos.

Você também pode indicar blogs de inglês que você gosta que ainda não estão na lista. É só clicar no botão (cor de rosa) que diz “+ Add To List”.

Indique e vote nos seus blogs favoritos. 😉

[listly id=”DZl” layout=”full”]